Arquitetura

Workshop: “Construção em madeira. Desafios e oportunidades.” Irá ser realizado em Coimbra nos dias 27 e 28 de março de 2023

O Centro de Inovação e Competências da Floresta e a Universidade de Coimbra estão a promover o Workshop “Construção em madeira. Desafios e Oportunidades”, integrado no Projeto INTERREG SUDOE EGURALT, que terá lugar nas instalações do Departamento de Engenharia Civil da Universidade de Coimbra (DEC-UC), nos próximos dias 27 e 28 de março de 2023.

O Workshop é dirigido a todo o setor da construção, desde logo às empresas, aos prestadores de serviços, bem como aos decisores políticos e à comunidade académica. Este evento constitui uma excelente oportunidade para conhecer o trabalho desenvolvido por especialistas de renome nacional e internacional sobre a utilização da madeira no setor da construção.

Serão abordadas diversas temáticas, desde: a valorização da madeira na arquitetura, questões relacionadas com o dimensionamento, pormenorização e durabilidade das estruturas, bem como as mais recentes inovações e desenvolvimentos no setor a nível nacional e internacional. O evento contará ainda com um conjunto de Sessões de Apresentação de Casos Práticos de referência, de estruturas de madeira. Por último, decorrerá uma Sessão dedicada ao Projeto EGURALT, onde serão apresentados os principais resultados obtidos durante o período de desenvolvimento do Projeto.

Pode consultar todo o programa aqui.

Proceda à sua inscrição no Formulário de Inscrições.

Para esclarecimento de qualquer questão adicional, entre em contacto com a organização através do e-mail: serq@serq.pt ou através do contacto: +351 274 608 626

16º Congresso dos Arquitectos de 2 a 4 de março

Imagem alusiva ao 16º Congresso dos Arquitectos

De 2 a 4 de março, a Ordem dos Arquitectos organiza o 16º Congresso em Ponta Delgada, na ilha de São Miguel, nos Açores.

Qualidade e Sustentabilidade: construir o [nosso] futuro é o tema deste encontro. Uma oportunidade para debater nos Açores - caminho transatlântico de intercâmbio de pessoas, encontros e culturas - uma agenda de assuntos emergentes, mas também as estratégias e compromissos de educação e investigação e da prática da arquitetura em Portugal, pela construção de um futuro [nosso]. Porque o desafio é global e a necessária resposta convoca a todos, a organização propõe ainda um Programa Complementar, de 1 a 5 de março, com a ambição de aproximar e envolver a comunidade dos não-arquitetos num programa mais vasto dedicado à ‘mudança’. Neste contexto irá incluir também um ciclo de cinema, eventos performativos, conversas, roteiros.

Será a primeira vez que este Congresso acontece fora do território continental e a escolha dos Açores está fundada na exemplaridade do arquipélago nos temas do desenvolvimento sustentável, assunto que será o mote de toda a programação.

Esta será uma oportunidade única para debater e aprofundar o conhecimento sobre a arquitetura em Portugal e contribuir para o desenvolvimento de um programa de ação para a construção de um futuro sustentável.

Toda a programação e as várias modalidades de participação estão disponíveis em changematters.arquitectos.pt

PRÉMIO ARCHIPRIX - CONCURSO ABERTO ATÉ 5 DE MARÇO

Imagem alusiva ao PRÉMIO ARCHIPRIX

Encontra-se aberto o período para receção de candidaturas à 11.ª Edição, edição 2023, do Prémio Archiprix Portugal.

O Prémio teve o seu início em Portugal em 2012 com a assinatura de um protocolo entre a Fundação Serra Henriques e a Fundação Archiprix, destinando–se a distinguir os melhores trabalhos de Mestrado em Arquitetura, Urbanismo e Arquitetura Paisagista de todas as faculdades portuguesas, sendo reconhecido como o principal galardão nacional para jovens estudantes destas áreas e o retrato do melhor do ensino nestes domínios.

A iniciativa do prémio conta ainda com a colaboração de todas as Universidades, Institutos Superiores, Ordem dos Arquitetos, Associação Portuguesa de Urbanistas, Associação Portuguesa de Arquitetos Paisagistas, Trienal de Arquitetura de Lisboa, Casa da Arquitectura e DoCoMoMo Internacional.

O concurso está aberto até ao dia 5 de março.

Fundação Serra Henriques edita e distribui gratuitamente um anuário com os projetos nomeados, seus autores e tutores, os quais não só foram considerados por cada instituição como os mais representativos da qualidade de ensino da Arquitetura, Urbanismo e Arquitetura Paisagista em Portugal, como passaram o crivo criterioso dos painéis de Júri constituídos por eminentes profissionais destas áreas.

Aceda ao regulamento, processo de submissão de candidaturas e demais informações na página da iniciativa.

Consulte ainda, na mesma página, todos os projetos finalistas e premiados nas 10 edições já realizadas.

Páginas

Subscreva RSS - Arquitetura