Arquitectura Paisagista

Prémio Archiprix Portugal - Concurso Aberto

Encontra-se aberto o período para receção de candidaturas à 10.ª Edição, edição 2022, do Prémio Archiprix Portugal.

Criado em 2012 pela Fundação Archiprix e pela Fundação Serra Henriques, o prémio visa distinguir os melhores trabalhos de Mestrado em Arquitetura, Urbanismo e Arquitetura Paisagista de todas as faculdades portuguesas, sendo reconhecido como o principal galardão nacional para jovens estudantes destas áreas e o retrato do melhor do ensino nestes domínios.

A iniciativa do prémio conta ainda com a colaboração de todas as Universidades, Institutos Superiores, Ordem dos Arquitetos, Associação Portuguesa de Urbanistas, Associação Portuguesa de Arquitetos Paisagistas, Trienal de Arquitetura de Lisboa, Casa da Arquitectura e DoCoMoMo Internacional.

O concurso encontra-se aberto até ao dia 27 de fevereiro.

A Fundação Serra Henriques edita e distribui gratuitamente um anuário com os projetos nomeados, seus autores e tutores, os quais não só foram considerados por cada instituição como os mais representativos da qualidade de ensino da Arquitetura, Urbanismo e Arquitetura Paisagista em Portugal, como passaram o crivo criterioso dos painéis de Júri constituídos por eminentes profissionais destas áreas.

Aceda ao regulamento, processo de submissão de candidaturas e demais informações na página da iniciativa.

Consulte ainda, na mesma página, todos os projetos finalistas e premiados nas 9 edições já realizadas.

Prémio Gulbenkian Património - Concurso aberto até 31/01/2022

Está aberto o concurso, até ao próximo dia 31 de janeiro de 2022, ao Prémio Gulbenkian Património – Maria Tereza e Vasco Vilalva.

Este concurso distingue projetos de excelência na área da conservação, recuperação, valorização ou divulgação do património português, imóvel ou móvel, tendo o prémio o valor de 50 mil euros.

O prémio Gulbenkian Património – Maria Tereza e Vasco Vilalva foi criado em 2007 e tem por objetivo reconhecer intervenções exemplares em bens móveis ou imóveis de valor cultural que estimulem a preservação e a recuperação do património, nas seguintes condições de elegibilidade:

  • que se reportem a bens imóveis ou móveis de inquestionável valor cultural;
  • que apresentem um projeto de inserção e reutilização (paisagístico, museológico ou outro) sempre que se verificar a alteração da função do bem em causa;
  • levadas a cabo por equipas lideradas por técnicos de qualificação legalmente reconhecida;
  • que não sejam propriedade ou tutela do Estado.

A decisão de atribuição deste prémio é da responsabilidade do Conselho de Administração da Fundação Calouste Gulbenkian, com base numa proposta elaborada pelo Júri do prémio.

A entrega do prémio será feita numa cerimónia pública, em data e local a anunciar.

As candidaturas devem ser apresentadas em formato digital (ficheiros PDF) e enviadas por correio eletrónico para: premio.gulbenkian-vilalva@gulbenkian.pt.

Conheça o regulamento e consulte todos os anteriores premiados.

Consulte mais informações na página da iniciativa Fundação Calouste Gulbenkian tem aberto, até ao dia 31 de janeiro de 2022, o período de candidaturas ao Prémio Gulbenkian Património – Maria Tereza e Vasco Vilalva, no valor de 50 mil euros, que distingue projetos de excelência na área da conservação, recuperação, valorização ou divulgação do património português, imóvel ou móvel.

Este prémio, atribuído pela primeira vez em 2007, destina-se a assinalar intervenções exemplares em bens móveis ou imóveis de valor cultural que estimulem a preservação e a recuperação do património, nas seguintes condições de elegibilidade:

  • que se reportem a bens imóveis ou móveis de inquestionável valor cultural;
  • que apresentem um projeto de inserção e reutilização (paisagístico, museológico ou outro) sempre que se verificar a alteração da função do bem em causa;
  • levadas a cabo por equipas lideradas por técnicos de qualificação legalmente reconhecida;
  • que não sejam propriedade ou tutela do Estado.

A decisão de atribuição deste prémio é da responsabilidade do Conselho de Administração da Fundação Calouste Gulbenkian, com base numa proposta elaborada pelo Júri do prémio. A entrega do prémio será feita numa cerimónia pública, em data e local a anunciar.

As candidaturas devem ser apresentadas em formato digital (ficheiros PDF) e enviadas por correio eletrónico para: premio.gulbenkian-vilalva@gulbenkian.pt.

Conheça o regulamento, consulte todos os anteriores premiados e aceda a demais informações na página da iniciativa.

Subscreva RSS - Arquitectura Paisagista
X